5.3.10

"Quando tudo se rasga, quem costura sou eu. Dou conta. Se amanhã eu acordar e resolver amar pra caralho, eu amo. Ele, você, outro. Ponto. Que venha a mim todo o amor que houve nessa vida, o tempo inteiro. 'Meu coração vagabundo quer guardar o mundo em mim"

[Jaya]

.

Nenhum comentário: