11.8.13

"...pegar na mãos devagarinho e repetir de verdade, do fundo, 
sem o menos pudor, sem ânsia alguma:
- Gosto de você. Você existir me ajuda a viver."

Caio F.
in Ah, bossa-nova, neu-bossa... 

- A vida gritando nos cantos

Um comentário: